Diabetes E Dieta Mediterrânica.

Resultado de imagem para diabetes e dieta

Diabetes E Dieta Mediterrânica

A diabetes é um problema que afecta tanto homens como mulheres. Este ano, o tema do Dia Mundial da Diabetes centra-se nestas últimas e tem como lema o Nosso direito a um futuro saudável”. Atualmente, há mais de 199 milhões de mulheres com diabetes a nível mundial, e estima-se que para 2040, este número chegará aos 313 milhões, segundo os dados da Federação Internacional da Diabetes. Estes números estão ligadas a altos índices de obesidade, que constituem o principal fator de risco de diabetes e que, já em idades precoces e com cada vez mais frequência, assolam a população mundial. A partir Super Premium Diet , o serviço de aconselhamento nutricional em farmácias do Grupo NC Saúde, explica uma série de diretrizes que contribuem para um melhor controle desta doença:

– Que a sua dieta seja sempre mediterrânica. É a dieta que melhor demonstrou combater a obesidade a longo prazo e melhorar a diabetes, otimizando o metabolismo dos hidratos de carbono. O aumento no consumo de frutas que promulga esta dieta, dá-nos um certo percentual de açúcares saudáveis, chamados intrínsecos, que se acompanham de outros micronutrientes benéficos para a saúde, como os polifenóis, que ajudam a queimar gordura, os antioxidantes, que permitem reduzir o estresse oxidativo e melhorar, entre outros, o colesterol.
Os pacientes diabéticos devem consumir pelo menos 3 porções de fruta inteira distribuídos ao longo do dia, para ter tanto um aporte adequado de açúcares intrínsecos, como vitaminas e minerais. Substituir essas rações por sumos costuma ser um erro muito comum, já que se perde a fibra da fruta e multiplica-se desnecessariamente a quantidade de açúcares ingeridos, ainda mais se são sucos industrializados com alto teor de açúcares livres”, explica Carlos Fernández, diretor médico do Grupo NC Saúde.

Resultado de imagem para fibra insolúvel

– Aumenta o consumo de fibra insolúvel para melhorar a diabetes. O cuidado com a flora intestinal e as alterações saudáveis na composição da microbiota têm demonstrado diminuir a resistência à insulina e favorecer o controle da glicemia. Por isso, o consumo de fibra insolúvel em alimentos, substrato principal de nossa flora, é um dos grandes objectivos nutricionais que propomos para os diabéticos. Fazer isso é simples, se você aumenta a ingestão de verduras, legumes, cereais de grão inteiro e legumes, que também ajudam a controlar o peso e a consumir poucas calorias, em troca de muita saciedade e grande quantidade de nutrientes benéficos para a saúde.
– Suplementa sua dieta com cromo. A micronutrición através de suplementos alimentares, é uma das ferramentas terapêuticas com as que contam os profissionais de saúde que lidam com a diabetes. O Dr. Fernández aconselhável combinar os tratamentos farmacológicos habituais com nutracêuticos que contenham cromo, já que foi demonstrado que esse nutriente ajuda a manter níveis normais de glicose no sangue, sendo a sua dose diária recomendada de 40 microgramas por dia”.

– Faça pelo menos 5 refeições por dia. Adicionar ao clássico padrão de três refeições por dia (café da manhã, almoço e jantar) e dois a três lanches saudáveis a meio da manhã, como a ingestão de Power Red composição, e a  tarde e/ antes de deitar-se, em quantidades e composição nutricional adequadas, permite regular os picos de glicemia e insulina e manter saciado e bem controlado metabolicamente ao paciente diabético. Adaptar este padrão dietético ao estilo de vida é fundamental para atender a todas as necessidades do dia-a-dia. A figura do nutricionista é imprescindível na elaboração destes tratamentos.

– Ativa o seu metabolismo fazendo esporte. A realização de exercício físico é um fator-chave para as pessoas com diabetes, já que ajuda a melhorar o controle da doença e evitar complicações decorrentes da mesma. As guias clínicas de maior relevância em diabetes sugerem que, tanto na diabetes tipo 1 como 2, deve-se realizar um mínimo de 150 minutos semanais de atividade física moderada a vigorosa, distribuídos em pelo menos 3 dias por semana, com não mais de dois dias consecutivos de inatividade. Além disso, deve-se evitar o sedentarismo durante o dia que se prolongue para além de 30 minutos, tendo demonstrado esta rotina benefícios a nível glicêmico, especialmente em diabéticos do tipo 2.

Resultado de imagem para diabetes gestacional

A diabetes gestacional
Dois de cada cinco mulheres sofrem de diabetes na sua fase fértil (cerca de 60 milhões em todo o mundo) e os 10% sofre de diabetes gestacional (DG), que aumenta o risco de abortos sequelas em seus futuros bebês. É por isso, que este tipo de diabetes é uma das principais preocupações das mulheres grávidas e dos sanitários que as controlam, realizando-se uma análise protocolar para detectar entre as 24 e 28 semanas de gestação.
Entre os fatores que fazem com que a gestante uma paciente de alto risco de DG podemos destacar: ter uma idade igual superior a 35 anos, antecedentes pessoais de DG e de novo, a obesidade, que, como mencionamos antes, pode ser controlada por profissionais especialistas em nutrição e dietética.

Os conselhos seriam semelhantes aos descritos anteriormente, enriquecendo a dieta mediterrânica, preparada com alimentos que forneçam os seguintes nutrientes, essenciais para o bom desenvolvimento do bebê:

– Ferro. A necessidade deste mineral aumenta significativamente durante a gravidez, pelo que é imprescindível suplementar à gestante e consumir alimentos que o contenham, como moluscos,Thermatcha funciona, mariscos, legumes, acompanhadas de aqueles que fornecem vitamina C para melhorar a sua absorção, como pimentão, repolho, brócolis citrinos.
– Cálcio. Para consumir a dose adequada de cálcio (cerca de 1300 mg ao dia) é necessário aumentar a ingestão de lacticínios e aromatize com os nossos pratos com ervas como tomilho, aneto, orégano e pimenta. Além disso, usa a rúcula em suas saladas e incorpórale algumas amêndoas cruas, sementes de linhaça com gergelim.
– Ácido fólico. Todas as mulheres gestantes conhecem a importância de suplementar sua alimentação com a vitamina a, também chamada B9, mesmo meses antes de engravidar, para prevenir malformações no feto, atrasos no crescimento, baixo peso ao nascer. As leguminosas (feijão, grão-de-bico, soja, etc), cereais de grão inteiro e verduras como espinafre, agrião os espargos fornecem quantidades adequadas de folatos, pelo que devem ser incluídos no projeto semanal da dieta mediterrânea.

Finalmente, o Dr. Fernández destaca que é importante destacar que, embora a gravidez o ganho de peso é lógica, as recomendações quanto ao aumento de quilos por trimestre variam em função do índice de massa corporal com o que a gestante chega à consulta, pelo que será muito importante mais uma vez, o controle alimentar por especialistas em dietética e nutrição”.

Que É Bom Para A Queda De Cabelo? Tratamento Cirúrgico Vs Não Cirúrgico

Resultado de imagem para queda de cabelo
Que É Bom Para A Queda De Cabelo? Tratamento Cirúrgico Vs Não Cirúrgico

Que é bom para a queda de cabelo? Os pacientes que sofrem de perda de cabelo estão realmente desesperados para corrigir o problema. É por isso que, muitas vezes, a queda de cabelo é mais uma doença social que médica.
A seguir, veremos 2 tipos de tratamentos disponíveis e tirar uma conclusão de tudo o que é bom para queda de cabelo.

Tratamento cirúrgico para a queda do cabelo
Como o nome sugere, este tipo de tratamento, o paciente tem que se submeter a uma cirurgia de transplante de cabelo. Este tipo de tratamento não só é caro, mas também doloroso. Se leva muito tempo para ver os resultados e também há um medo da infecção durante e depois do procedimento.

A cirurgia de transplante capilar é uma cirurgia irreversível. Isto significa que se um paciente não está satisfeito com os resultados após a cirurgia de transplante de cabelo, já não pode fazer nada.
Que é bom para a queda de cabelo? Um paciente com perda de cabelo quando decide submeter-se ao procedimento de transplante de cabelo, assume um risco, porque o menor erro do cirurgião, você pode perder todo o seu cabelo.
É muito importante que o paciente antes de optar pelo tratamento cirúrgico, deve-se fazer um estudo adequado para o médico. O tratamento cirúrgico para a perda de cabelo também está associada com uma grande quantidade de dor, inchaço, dor, sangramento e cicatrização no local da operação. Também é muito caro.

 

Imagem relacionada
O tratamento médico (Não-cirúrgico) para a queda do cabelo
Esta opção é considerada quando a idade da paciente é jovem, especialmente abaixo de 30 anos, ao tirar fotografias a saúde do paciente não permite nenhuma intervenção cirúrgica, o paciente tem medo de passar pela sala de cirurgia, talvez, o paciente não é capaz de pagar o custo Da cirurgia de transplante de cabelo.
Há quatro principais terapias médicas para a perda do cabelo:
medicamentos convencionais
medicamentos homeopáticos

Suplementos
1.Medicamentos Conventional:
existem vários remedio para alopecia feminina e masculina, converse com seu médico e juntos decidam qual se encaixa melhor para você.

2. medicamentos homeopáticos:
Alopecia feminina tem cura: a homeopatia funciona maravilhosamente para o tratamento da perda do cabelo. Todas as variedades de perda de cabelo, exceto o padrão de calvície masculino e feminino se sabem que respondem à homeopatia. Os medicamentos homeopáticos são selecionados de acordo com os parâmetros individuais de avaliação de casos e de estilo de vida.
As doenças subjacentes, tais como o desequilíbrio do hormônio da tireóide (tireoide hipotireoidismo) precisam ser tratados adequadamente usando medicamentos homeopáticos.

 

Resultado de imagem para plantas
3. medicamentos à base de plantas:
Há algumas preparações à base de plantas, que foram usadas e foram encontrados eficazes para a perda de cabelo. Acima de tudo, certos óleos ayurvédicos e ervas são úteis.
Justamente estes tratamento natural é o que tratamos neste blog. E já sabemos que se operam por isso te convido a rever o resto de artigos e saber mais sobre o que é bom para a queda de cabelo. Por exemplo, aqui você tem a receita da cebola, uma solução para queda de cabelo.

4. Suplementos:
A deficiência de certos componentes, tais como a deficiência de ferro, anemia por deficiência de vitamina B12 D3 são associados frequentemente com a perda do cabelo, por isso suplemento adequado sempre ser utilizado.

Então, o que é bom para a queda de cabelo?
Que é bom para a queda de cabelo, cada um tem um ponto de vista diferente, mas o que se não pode negar é que é melhor usar um tratamento natural que um cirúrgico.

Como Melhorar A Ortografia Do Meu Filho

Resultado de imagem para ortografia

Como Melhorar A Ortografia Do Meu Filho

Muitas das atividades que realizamos diariamente exigem habilidades de leitura e escrita: por exemplo, redigir um e-mail, um relatório, um trabalho escolar implica a construção de textos com mensagens claras, o que significa uma boa redação e boa ortografia. Daí a importância de aprender a ler e a escrever, assim como também de otimizar essas habilidades comunicativas.
Graças à tecnologia, as atividades de escrita são mediadas por uma grande quantidade de aparelhos que nos facilitam a vida e que nos impedem de escrever à mão. As crianças desta geração não fogem da realidade, e isso tem causado uma mudança na forma como escrevemos.

É importante ter em conta que o que aprendemos durante os primeiros cinco anos de vida são a base do resto do nosso aprendizado. A escrita é um processo indispensável para o desenvolvimento cognitivo, social e cerebral.
Promove em seu filho a habilidade de escrever corretamente, não importando se há prioridade na escrita por computador, já que não há correctores ortográficos para que identifiquem as ambiguidades dos problemas de significado; é dizer que, em alguns casos, estas ferramentas corrigem palavras bem escritas e não detectam todos os erros, por isso é que você deve criar em seu filho um excelente hábito de ortografia.

 

Resultado de imagem para leitura

Préalfabetização em torno de três anos. As crianças fazem desenhos e rabiscos em qualquer área e os leem”, como se fossem palavras.
Desenvolvimento inicial: os doodles se convertem em formas que imitam letras”: as crianças desenham círculos e linhas para formar figuras semelhantes às letras.
Fase de desenvolvimento: as crianças escrevem letras em desordem, mas mantendo uma linearidade, graças ao uso de linhas.
Período de transição: para os cinco anos de idade. A criança começa a reunir letras imitando sílabas palavras; em alguns casos escreve palavras conhecidas, mas pode fazer separações letras erradas.

Obs: se necessário, inclua ele em uma escola ou curso de aperfeiçoamento. Veja mais: Tcc Sem Drama.

Indiscutivelmente, escrita, caligrafia, desenvolve habilidades como a motricidade fina e a coordenação; além disso permmite pensar mais rápido e motivar a alfabetização, o que fará de seu filho, um estudante de sucesso.
Detecte em que idade de linguagem é:

 

Imagem relacionada
Identificar estas etapas, você poderá saber como estimulá-lo com maior propriedade e precisão. Não deixe passar nenhuma oportunidade para corrigi-lo, já que na infância o processo de aprendizagem é muito mais fácil do que na juventude, mesmo na adolescência, já que se está aprendendo -pela primeira vez-, enquanto que os processos de reaprendizaje são mais complexos e podem levar muito tempo, porque significa repensar o que já se conhece, por costume, prática constante.

A leitura é indispensável
A leitura permite:
Ter memória fotográfica: esta habilidade permite recordar a forma correta em que se escrevem as palavras; é dizer que se você ler bons textos, você poderá ler palavras bem escritas e memorizar qual é a escrita correta.
Melhorar a concentração: manter uma boa concentração na leitura não é fácil; por isso, se seu filho consegue concentrar-se, ao ler, você pode se concentrar em outras atividades. A nossa principal recomendação é que procure textos que lhe sejam muito bem-vindos a ele, ela, ou até mesmo a medicamento que aumentem o desempenho do cérebro. Existem alguns no mercado, como lectus caps comprar, referência na áre.a Você sabe quais são seus temas de interesse; por mais triviais que lhe pareçam, para ele, são interessantes. O importante é encontrar autores que escrevam bem e que incluam recursos úteis.

A lei da atração tem explicação? veja.

Resultado de imagem para atração

A lei da atração tem explicação? veja.

 

Muita gente já ouviu falar da chamada Lei da Atração em algum momento da vida, mas o fato é que poucas são as pessoas que realmente entendem o que de fato ela significa e que conseguem explicá-la corretamente e sem recorrer a aforismos e a suposições sem consistência cientifica.

Pois neste artigo vamos tentar explicar o fenômeno conhecido como Lei da Atração dentro de uma lógica mais cientifica, traçando um paralelo entre as diferentes visões sobre ela, para que você consiga entendê-la de um modo mais claro e mais abrangente.

A Lei da Atração surgiu como conceito na segunda metade do século XIX, quando o New York Times cunhou a expressão, mais precisamente em 1879, sendo então o primeiro grande jornal e primeiro veículo de comunicação de massas a usar este termo.

 

Imagem relacionada

No entanto, o fato é que somente em 1902 é que algo mais científico em referência à Lei da Atração surgiu, na física, quando John Ambrose Fleming, um engenheiro eletricista e físico descreveu algo como uma “irresistível energia de atração” que, segundo ele, fazia com que os objetos aumentassem de poder, entre outras coisas.

No decorrer do século XX surgiram várias formas de pensamento importantes que passaram a utilizar a Lei da Atração como um de seus pontos mais importantes, sendo que o Movimento Novo Pensamento foi um dos mais proeminentes e é um dos mais lembrados até hoje.

No entanto, foi na teosofia que a expressão “o segredo lei da atração” surge de modo mais claro, mais especificamente nos escritos de Willian Quan Judge, no ano de 1915 e nos escritos de Annie Besant, no ano de 1919.

O mais curioso é que a partir da segunda metade do século XX, todas as abordagens sobre o termo sempre partiram para explicações mais ligadas ao ocultismo ou às questões religiosas, ficando a Lei da Atração muito mais ligada ao cristianismo pragmático, ou ao pensamento positivo, ou até mesmo ao Novo Pensamento, que já foi citado anteriormente.

Imagem relacionada

A Lei da Atração voltou à temática do dia quando do lançamento do filme “O Segredo”, no ano de 2006, que foi baseado no livro de mesmo nome, e que trouxe as atenções para o termo novamente, com fóruns de discussão sobre a Lei da Atração em programas importantes.

O fato é que atualmente, muita gente entende que o segredo a lei da atração está mais ligada ao esoterismo e aos estudos dos mistérios do mundo do que à ciência tradicional, portanto, explicá-la por uma ótica mais cientifica fica cada vez mais complicado. Mas mesmo assim, ainda há muitas correntes de pensamento que se baseiam nela.

Sisutec e Pronatec no desenvolvimento da educação

Um dos grandes marcos da educação no cenário nacional foi a criação do SISUTEC.

O SISUTEC, para quem não conhece, é um sistema de informatização coordenado pelo Ministério da Educação e que tem como objetivo agregar faculdades públicas e privadas que desejam angariar vagas de ensino técnico para aqueles candidatos que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM.

Em vigência desde 2013, esse sistema buscou complementar outro grande programa governamental; o PRONATEC, que também oferece cursos gratuitos para a formação técnica dos brasileiros.

Como as inscrições em faculdades e universidades acontecem duas vezes por ano, a realização do processo seletivo do SISUTEC, por conseguinte, também ocorre no começo e no meio do ano letivo.

Caso você tenha se interessado pelo programa, é importante que saiba algumas peculiaridades sobre esse sistema.

A sua aprovação ou não para concorrer ao SISUTEC depende exclusivamente na nota que foi obtida no último ENEM.

Não existem outros requisitos que podem ser levados em conta, como renda familiar, idade e etc., apenas é visto se você prestou o Exame Nacional e obteve média necessária.

Depois de ter obtido a nota requisitada pelo curso, você poderá se matricular em qualquer faculdade ou universidade do país que adote o sistema do SISUTEC.

A inscrição e os cursos são oferecidos diretamente pela internet e podem ser concluídos de maneira bem prática.

Para isso, você deverá colocar por ordem de preferência a primeira e a sua segunda opção.

Portanto, fique sempre atento a nota de corte, pois dependendo da nota, se você perceber que aquela pontuação está maior do que a você atingiu, mude de curso.

Depois das notas de corte serem concluídas, aí não será mais possível realizar a alteração.

Então, depois de ter cumprido todas as etapas apresentadas aqui, é essencial que você tenha conhecimento de todas as instituições que disponibilizam seus cursos profissionalizantes de forma gratuita para a população brasileira.

E são elas

  1. Centro Universitários
  2. Universidades
  3. Faculdades públicas
  4. Faculdades privadas
  5. Instituições do Serviço Nacional de Aprendizagem
  6. Institutos Federais
  7. Escolas técnicas do Estados
  8. Escolas técnicas privadas  

Deu para perceber que são as várias as instituições que querem desenvolver a educação e transformar essa geração em uma geração intelectual e capacitada.

Não perca tempo e realize o seu Exame Nacional para garantir sua vaga no programa. Faça sua inscrição no sisutec aqui.

PRONATEC: UMA FORMA DE MUDAR DE VIDA

Devido a tempos difíceis que o país passou e está passando nos últimos anos, foi possível perceber que as vagas de trabalho foram sendo drasticamente reduzidas.

Além de que, muitas empresas diminuíram seu contingente de empregados, pois a produção estava maior que a demanda.

Claro que hoje, o mercado melhorou um pouco, trazendo uma nova estabilidade financeira.

Porém, podemos tirar desse episódio da crise econômica uma ideia; aqueles trabalhadores qualificados tiveram mais chance de terem seus empregos firmados, enquanto os menos qualificados, em momentos difíceis, são os primeiros a serem demitidos.

Com base nisso, resolvemos trazer um pequeno texto com o intuito de mostrar a vocês como o PRONATEC é uma forma de mudar de vida.

 O QUE É O PROGRAMA?

Criado em 2011, o PRONATEC ou Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego veio com objetivo de capacitar profissionais, que em geral, não tinham condições de arcar com altos custos de bons cursos profissionalizantes.

Você pode saber mais sobre em: http://www.pronatecgov.com/

Além disso, com base em pesquisas, o Governo, na época, percebeu a carência de profissionais devidamente qualificados no mercado de trabalho e por isso, também quis mudar essa realidade brasileira que se assola.

E não é que deu certo?

Em 2016, já foram mais de 2 milhões de estudantes que se aperfeiçoaram nas áreas oferecidas pelos cursos.

Então, me diga, você não vai perder essa oportunidade não é mesmo?

As inscrições são feitas de maneira simples e totalmente gratuita.

O que o Governo busca são jovens empenhados em mudar de vida e se destacar no meio profissional. Já que um bom trabalhador, gera mais renda para o país, favorecendo assim toda a cadeia profissional.

Porém, por ser um programa governamental e consequentemente de iniciativa pública, são necessários certos requisitos a serem cumpridos para que o cidadão possa usufruir do PRONATEC.

Primeiro, a renda familiar desse aluno deve ser de no máximo 2 salários mínimos por mês.

Por que isso? Porque a ideia é melhorar a qualificação dos jovens baixa renda. Por isso, esse deve ser o primeiro requisito a ser levado em conta.

Em segundo, o candidato deve está frequentando o ensino fundamental ou o ensino médio ou já ter terminado o ensino médio.

E por fim, o aluno deve estar devidamente cadastrado no CadÚnico e não ter feito naquele respectivo ano, mais de 2 cursos no programa.

Em caso de dúvidas, deixe sua pergunta nos comentários abaixo.

 

CELG foi comprada pela ENEL e agora, como fica minha conta?

A pouco mais de um ano o Grupo ENEL adquiriu a CELG, empresa estatal responsável pela distribuição de energia em todo o estado de Goiás.

A compra da CELG Foi realizada a mais de um ano, mas só agora a ENEL começou a adotar o novo visual da marca, que passou a ser divulgado na imprensa do estado de Goiás.

Mas e os clientes CELG, como ficam nessa historia? Com relação a conta de energia, 2 via CELG/ENEL, serviços, etc nada muda. Os clientes vão continuar recebendo suas contas normalmente como já vêem recebendo regularmente. A única coisa que muda é o logo da empresa na conta de luz.

O foco agora da ENEL é planejar melhorias para recuperação do sistema de distribuição de energia do estado, que sofria sérios problemas de instabilidade durante a administração CELG.

Novo site CELG/ENEL

Como parte das mudanças, o site WWW.celg.com.br para de oferece serviços online e o endereço www.eneldistribuicao.com.br assume o lugar do antigo portal da CELG.

Clientes que precisarem emitir uma 2º via de conta, solicitar ligação, solicitar assistência técnica, informar falta de energia, poderão fazer suas solicitações através do novo site.

 Serviços disponíveis no novo site CELG/ENEL

  • Emissão de 2º via da de conta
  • Informar falta de energia
  • Religue de energia
  • Autenticação de certidão negativa
  • Consulta de débitos
  • Liberação de carga
  • Histórico de pagamentos
  • Fatura por e-mail

Novos números para contato CELG/ENEL

Anote o novo número para falar com a central de atendimento ENEL do estado de Goiás.

Ligação gratuita para todo Brasil 0800 62 0196.

Além da central de atendimento, clientes ENEL podem gerencia suas contas através do aplicativo da empresa, disponível para IOS e Android. Acesse o Google Play e instale o APP da ENEL no seu celular e nunca mais se preocupe com surpresas na sua conta de energia ENEL.

Como Cuidar Da Hidratação

Como Cuidar Da Hidratação

Melhorar a qualidade de vida dos doentes de Parkinson, através do acompanhamento, a hidratação dos idosos devem se tornar um hábito e faz parte de uma nutrição saudável. Como nós podemos ajudá-los a manter-se bem hidratados?

Que beber se torne um hábito

A hidratação faz parte de uma nutrição correta , e não podemos perdê-la de vista, quando vamos envelhecendo. O consumo habitual de água em pequenas quantidades deve ser um hábito em pessoas mais velhas, já que se desidratam com mais facilidade e isso pode resultar em problemas graves do aparelho locomotor sobrecarga nos rins.

Para manter-se corretamente hidratadas, as pessoas idosas devem ter ao seu alcance, além da água, uma variedade de bebidas que possam consumir: os chás de ervas como a camomila, a tila e os sucos naturais de frutas são muito recomendáveis dentro de sua dieta.

Além disso, também podem conseguir um maior aporte hídrico através da nutrição: as frutas e verduras fazem um bom aporte de água para o nosso organismo, e os pratos, como sopas, cremes, também podem contribuir para um bom equilíbrio hídrico.

Algumas indicações na hidratação de idosos

É importante que tenham sempre água ao seu alcance para poder beber: algumas pessoas idosas enxergam muito limitada a sua mobilidade e, muitas vezes, preferem não se mover de onde estão a levantar-se para beber água. Facilitar as coisas é muito simples para nós, e representará uma grande diferença para eles.

Ensinar-lhes que beber líquidos deve se tornar um hábito: com o passar dos anos, vai desaparecendo a sede, que é um sistema de alarme de que o corpo começou a ficar desidratado. Beber pequenos goles de água durante todo o dia, é uma excelente prevenção contra a desidratação.

Devem beber água de forma gradual durante o dia: você tem que beber uma quantidade maior pela manhã e ir reduzindo o consumo conforme vão passando as horas para evitar que tenham que levantar-se ao banheiro à noite.

Beber um par de copos de água pela manhã para ajudá-los a melhorar a mobilidade intestinal.

Como cuidar da nutrição de idosos.

A velhice não é uma doença, ainda que com a idade se vão produzindo uma série de mudanças no nosso organismo que podem fazer com que se aumente a susceptibilidade a sofrer de algumas doenças.

O impacto da idade na nutrição

Em primeiro lugar, dizer que conforme avança a idade, ocorre um aumento de gordura corporal e a uma perda de musculatura em nosso organismo, além de alterações no tubo digestivo, diminuindo a sua capacidade de absorção de vitaminas e oligoelementos.

Também há que ter em conta que as dificuldades na alimentação das pessoas idosas podem ser devidas a alterações da dentição, a perda da capacidade para sentir e saborear os alimentos, problemas de deglutição a um enleitecimiento do esvaziamento gástrico.

Além disso, mastigar os alimentos de maneira adequada é fundamental para poder seguir uma dieta saudável, por isso é necessário o cuidado com a dentição, aconselhamos comer alimentos de fácil mastigação.

Se vão perdendo peças dentais, geralmente devidas a doenças periodontais e da falta de cálcio e vitamina D. Tudo isso faz com que se tente evitar alimentos de difícil mastigação como frutas e produtos hortícolas, o que leva a um menor consumo de fibra e, portanto, problemas de prisão de ventre. Por isso, recomenda-se a ingestão de fibra para evitar certas disfunções intestinais, como a diverticulose do cólon, ter uma melhor tolerância à glicose e diminuir os níveis de colesterol e se possível usar suplementos para metabolizar melhor como quitoplan e outros tipo

Também cabe citar a perda da capacidade gustativa, fundamentalmente a nível das papilas gustativas da língua, encarregadas de detectar o sabor doce e salgado, o que faz com que diminua o prazer na hora de comer e o interesse pelos alimentos

Os ossos também sofrem um desgaste progressivo com o passar dos anos, o que leva a um maior risco de osteoporose e fraturas. Por isso há que ter cuidado com a ingestão de cálcio com uma dieta rica em laticínios e, se necessário, complementar a dieta com suplementos. Tudo isso, acompanhado de exercício físico adequado à sua idade.

Por último, dizer que o consumo de medicamentos, tão frequente nesta idade, pode afetar a alimentação de diversas formas. Por exemplo, induzindo a perda do estímulo do apetite, agindo sobre a ingestão através da alteração do gosto, provocando náuseas, vômitos, causa lesões da superfície de absorção intestinal.

Recomendações nutricionais

Deve-Se tentar que as pessoas mais velhas, que possam, cozinhar sua comida e comam com a companhia, já que isto está demonstrado que os ajuda a manter não só um melhor estado nutricional, mas também influi no seu estado de ânimo.

Não se deve negligenciar uma boa hidratação nas pessoas da terceira idade, principalmente no verão, quando muitas vezes não se lembram de beber água. Não há que esquecer que com a idade nos tornamos mais suscetíveis aos danos que podem causar em nosso corpo às temperaturas elevadas. Por tudo isso é de suma importância seguir hábitos de vida saudáveis, que incluem, é claro, os alimentares, consumindo dietas equilibradas, com uma grande variedade de alimentos e raízes como maca peruana.

É muito recomendável que os idosos, o consumo de frutas e vegetais, sem ingerir excessos de proteínas e use o seu peixe como fonte de omega 3, como indutor da resposta defensiva.
O cérebro, para um correto funcionamento, requer não apenas de um aporte suficiente de glicose, mas também de certas vitaminas, especificamente do complexo B, para que o seu défice pode dar lugar a deterioração neurológicos progressivos. Esta é outra das causas, pelo que se recomenda uma dieta saudável e completa.

É muito recomendável realizar atividade física de forma moderada diariamente. Há que esquecer a ideia de que a idade é uma contra-indicação para a prática de exercício físico. A chave está em fazer o mais adequado em relação à idade.

Também não há que fazer grandes proezas desportivas, basta desde um simples passeio diário para a prática de alguns esportes como a natação, caminhadas, ciclismo, ginástica artística, todas elas realizadas de forma não competitiva. Não há que esquecer que algumas atividades sociais podem substituir as atividades esportivas, a exemplo do que temos com a dança.

INSS SERVIÇOS: Agendamento, benefícios e Carta de concessão

O INSS é uma autarquia federal que tem como papel fundamental fazer os pagamentos dos benefícios apresentados pela previdência social.

A previdência social é uma seguridade social que protege os brasileiros de eventuais riscos sociais, fazendo com que eles não fiquem desprotegidos de nenhuma maneira caso venha a ocorrer algum problema futuro de doença, acidente de trabalho, falecimento do segurado ou até mesmo a velhice.

Por isso, ao entrar em contato com o Instituto Nacional do Seguro Social você tem acesso a diversos serviços e deve saber em que momento utilizar cada um da maneira mais correta possível.

No passado, para utilizar qualquer dos serviços que iremos apresentar agora, o segurado precisava se deslocar até um dos postos de atendimento da previdência social e esperar durante horas e horas para ter sua dúvida ou questão sanada.

Mas essa realidade mudou e vamos dizer agora qual a melhor maneira de você ter acesso aos serviços do INSS.

AGENDAMENTO INSS

O primeiro e um dos serviços mais procurados na plataforma do INSS é o agendamento.

O agendamento consiste em uma visita online no site, na qual você escolhe o serviço desejado, em seguida, confere o mês, dia e horário em que ele se encontrará disponível e marque a sua vez.

Você então, comparecerá nesse dia marcado, sem precisar pegar nenhuma fila e concluirá o que estava precisando.

Para fazer o agendamento estão disponíveis os seguintes serviços:

  1. Aposentadoria da pessoa com deficiência por idade;
  2. Aposentadoria da pessoa com deficiência por tempo de contribuição;
  3. Aposentadoria por tempo de contribuição;
  4. Aposentadoria por idade urbana;
  5. Atualização de dados de imposto de renda;
  6. Atualização de cadastro;
  7. Auxílio-reclusão;
  8. Auxílio doença da aeronauta gestante;
  9. Cadastrar ou renovar procuração;
  10. Cadastrar pensão alimentícia;
  11. Certidão por tempo de contribuição;
  12. Cópia de processos;
  13. Devolução de documentos ou processos;
  14. Recursos;
  15. Salário maternidade rural;
  16. Salário maternidade urbano;

Essas são apenas algumas das opções disponíveis para agendamento. E caso não possa mais comparecer no dia designado é só cancelar ou remarcar a sua visita.

CARTA DE CONCESSÃO

Depois de realizar o seu pedido perante a previdência social, você deverá aguardar um documento denominado de carta de concessão.

Essa carta irá lhe informar se você foi aprovada pelo INSS para receber o benefício ou não.

Antigamente, a única opção que o contribuinte tinha era de esperar a carta pelos correios, o que demorava em média 30 dias, mas podia demorar mais ainda dependendo da demanda do instituto.

Porém, hoje em dia, esse é um dos serviços que podem ser feitos diretamente de forma online, basta clicar no link ao lado https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/carta-de-concessao-e-memoria-de-calculo/.

Ao entrar na página procure a opção “pedir carta de concessão”.

Preencha então as informações pedidas como número do requerimento do benefício, o CPF e o nome do segurado.

De forma muito mais rápida, você tem conhecimento se possui o benefício ou não.

CONSULTA DE SITUAÇÃO DE BENEFÍCIO

Quando o benefício é pedido ao Instituto Nacional, ele poderá apresentar três tipos de situações para você e você deve estar preparado para receber as três respostas.

Em primeiro lugar, o benefício pode ser concedido. E nessa hipótese é só alegria, pois quer dizer que a previdência analisou seu caso e viu que você cumpriu todos os requisitos para possuir o benefício que foi pedido.

Em segundo lugar, o benefício pode vir com o status de indeferido. Nesse caso o INSS viu que você não tinha os requisitos necessário para ter direito ao benefício que foi solicitado. Dessa decisão administrativa é possível entrar com recurso ou ir diretamente para a via judicial

E por fim, o benefício pode ser habilitado: em regra, esse é primeiro status que aparece após o seu pedido ser feito. Status habilitado quer dizer que o órgão está ainda analisando o seu caso.

Para acompanhar direitinho o seu pedido é só entrar no site ao lado https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/consulta-de-situacao-de-beneficio/. Por lá você também poderá acompanhar o resultado da sua perícia.

MEU INSS

Todos esses serviços que elencamos acima, mais tantos outros estão disponibilizados no portal meu INSS.

Esse portal foi uma criação do Instituto para facilitar ainda mais a vida do contribuinte que passou a utilizar dos serviços que lhe eram oferecidos de maneira mais rápida e simples.

O portal se encontra disponível nesse endereço de url https://meu.inss.gov.br/.

Além do site, é possível baixar em seu celular o aplicativo do meu INSS.

O que era fácil acaba ficando mais fácil ainda. O aplicativo é gratuito e de fácil compreensão.

Então, não tem mais desculpas para não interagir com os serviços online do INSS, não é mesmo?

Apresentamos diversas formas feitas especialmente a vocês. Escolha a que mais lhe agrada e comece logo a utilizar.

Gostaram do tema? Não esqueçam de compartilhar com os amigos. E para dúvidas, é só mandar sua pergunta nos comentários abaixo, que nossa equipe entrará em contato o mais rápido possível.

Você pode saber mais neste texto sobre a Previdência